fbpx

Preso pelo estupro e assassinato da menina de 5 anos em Lajeado é transferido de presídio


Por Redação Publicado 08/09/2021

O homem que foi preso pelo estupro e assassinato da menina Ágatha Rodrigues dos Santos de 5 anos, no último sábado, dia 4, em Lajeado, foi transferido de penitenciária. Informações são de que foram registrados atentados contra sua vida no Presídio Estadual de Lajeado e por esse motivo transferido. Por segurança, a Susepe não divulga para onde foi enviado.

O crime hediondo chocou os moradores do Vale do Taquari. A menina foi encontrada no fim da tarde de sábado, dia 4, boiando no Rio Taquari. Imagens de videomonitoramento divulgadas pela Polícia Civil mostram um homem e a menina de cinco anos caminhando próximo ao local.

O homem cuja a identidade é preservada devido a lei de Abuso de Autoridade, já foi preso preventivamente no sábado sujo de barro e com arranhões. E mesmo que indícios levem a sua participação, ele ainda é apontado como suspeito até que seja oficialmente acusado pela polícia e condenado pela Justiça.

O caso é investigado pelo delegado substituto da Delegacia da Mulher da Lajeado, Humberto Messa Roehrig, que nesta quarta-feira terá acesso a mais testemunhas e imagens.

Lembre como foi

De acordo com depoimento da mãe da vítima, homem chegou em sua casa no sábado e pediu que sua filha o acompanhasse até um mercadinho do bairro. A menina teria pedido para ir com ele. Ele e a criança saíram de casa às 12h30min. Uma hora depois, a mãe estanhou que os dois ainda não haviam retornado para casa.

A mãe iniciou a procura pelas redondezas e pediu ajuda para a polícia. Iniciaram-se as buscas pelo homem e a menina com agentes da Polícia Civil, equipes da Brigada Militar e ainda Corpo de Bombeiros de Lajeado. O caso já causava ansiedade para os envolvidos.

SE QUISER RECEBER AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS DO AGORA NO VALE DE GRAÇA NO TEU WHASTAPP CLIQUE AQUI

Veja imagens dele com a menina

Leia mais sobre o caso