fbpx

Ao clicar em "Continuar navegando", você concorda com o uso de Cookies e com a Política de privacidade do site.

  • Agora no Vale 728x90px

Governos estadual e de Lajeado formalizam convênio em “Programa de Recuperação da Fertilidade do Solo”

Data limite para inscrição no programa é 11 de dezembro


Por Redação Publicado 04/12/2023
 Tempo de leitura estimado: 00:00
  • Agora-No-Vale—Banner-Forquetinha—Aniversário-28-anosDESK

A Prefeitura de Lajeado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Agricultura (Sedetag), está formalizando convênio com o Governo do Estado para implementar o Programa de Recuperação da Fertilidade do Solo. Os agricultores que sofreram perdas de solo por conta dos eventos climáticos de setembro tem até o dia 11 de dezembro para se inscrever no Escritório Municipal da Emater/RS-Ascar de Lajeado.

O programa tem como objetivo disponibilizar recursos para a recuperação de áreas de cultivo em municípios que tiveram perdas de solo em decorrência das cheias e alagamentos ocorridos entre os dias 2 e 6 de setembro, visando recuperar a capacidade produtiva.

Conforme o titular da Sedetag, André Bücker, o convênio prevê a contratação de horas-máquina, aquisição, distribuição e aplicação de insumos, tais como corretivos, condicionadores de solo, adubos, bioinsumos e sementes de cobertura para distribuição aos agricultores. Poderão participar do programa agricultores familiares enquadrados no Cadastro Nacional da Agricultura Familiar (CAF), que tenham sofrido impacto de perda de solo em suas áreas de agricultura, em decorrência dos eventos climáticos ocorrido naquele período.

Os agricultores atingidos pela enchente que tiveram perdas de solo em suas áreas agrícolas devem procurar o Escritório Municipal da Emater/RS-Ascar de Lajeado para fazer a inscrição no programa e preencher o Termo de Adesão do Agricultor até o dia 11 de dezembro.

A Sedetag definirá os agricultores beneficiários, por meio do Conselho de Desenvolvimento Rural e de Política Agrícola (Coderpal), registrando a seleção dos mesmos em ata. O benefício estará limitado ao valor de até R$ 30.637,25 por agricultor.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone/WhatsApp (51) 99727-8633

——————-

Fonte: AI Lajeado

#agoranovale .