fbpx

Ao clicar em "Continuar navegando", você concorda com o uso de Cookies e com a Política de privacidade do site.

  • Banner Sicredi Agora no Vale 728x90px

Casal fala sobre alegrias e desafios de 50 anos de união


Por Redação / Agora no Vale Publicado 09/06/2019
 Tempo de leitura estimado: 00:00
  • Agora-No-Vale—Banner-Forquetinha—Institucional-WhatsappDESKTOP

Asta Elene Wickert, 74, e Valter Marder, 73 anos falam sobre uma união carregada de alegrias e de desafios que lhes renderam três filhos, sete netos e um bisneto

A longo do mês contamos a trajetória de casais da região, em parceria com a loja Basic Store, em alusão ao Dia dos Namorados. Hoje, chegou a vez de falarmos sobre uma união que perpassa cinco décadas de dificuldades e realizações. Confira na matéria. 

Nesse período nossos leitores também compartilharam as suas trajetórias nos comentários, e a Basic Store selecionou as duas melhores e pôs em votação na sua página do Facebook. A mais votada leva um vale presentes de R$ 100.   

Diante de um quadro com diversas fotografias que marcam 50 anos de casamento, Asta Elene Wickert, 74, e Valter Marder, 73, falam sobre uma união carregada de alegrias e de desafios que lhes renderam três filhos, sete netos e um bisneto. Trabalhar juntos, confiança, união e rezar juntos, ter fé: cada momento compartilhado por eles explica o porquê dessa união ser duradoura. 

A fé é um dos pilares, garantem os dois, e desde o início foi fundamental. Logo após se conhecerem em um baile de Kerb em Santa Clara do Sul, Valter foi convocado pelo Exército para servir em Bagé, em 3 de janeiro de 1964, período marcado na história do país pela deposição do presidente João Goulart e instauração do regime militar. 

A data está gravada na mente dele pelo que significou na época. “Até ali o lugar mais longe que tinha ido foi Roca Sales, e apenas uma vez, com meu pai”, relata. Eles ficaram um ano sem se ver e trocaram cartas. 

Até mesmo na semana de folga de Valter, quando ele pôde visitar a família, o destino criou uma barreira. No domingo, data em que podia visitar Asta, Valter foi surpreendido por uma chuvarada no meio do caminho, de bicicleta, e teve que voltar para casa. “Hoje reunimos quem estiver na casa, seja família ou visitas, para rezar”, afirma Valter.  

O casamento veio poucos anos depois, e desde o início eles superaram dificuldades financeiras com outro pilar fundamental de um casamento duradouro: o trabalho conjunto. Ele encarou a rotina de pedreiro para sustentar a família, enquanto Asta cuidava dos filhos e da casa. Ambos ainda conciliavam o trabalho na roça. “Eu acordava de manhã cedo, porque sempre tinha uns 12 animais para tratar, fazia almoço, lavava roupas e cuidava dos filhos. Não sei como é que eu fiz tudo isso”, brinca Asta. “Mas não tinha outra opção, e era bonito”. 

O respeito pelo outro, a paciência, a confiança e a empatia também são importantes, relata o casal. Desentendimentos são normais e devem ser superados, garantem. “A vida é como o tempo. Tem dias chuvosos, que a gente acha que está tudo perdido, mas depois vem o sol”, relata Valter Marder, 73. “E assim que se leva a vida”. 
Nos anos 90, Valter foi sócio fundador da empresa Nível, de Santa Clara do Sul, hoje administrada pelos filhos. 

“O vale-presentes da loja eu deixo para ela”
 A generosidade também mantém o casal feliz. Valter cede sua parte do vale presentes da Basic Store para Asta, para que escolha um presente na companhia da filha, a professora Rosilene. Asta já indica que comprará roupas. 
A lista de opções é extensa, entre vestuário e acessórios para o dia a dia, muitos deles confeccionados por fábrica própria. No caso da família de Teutônia, há muitas opções de roupas com estampas que combinam para os pais e filhos, na linha família.

A loja ainda trabalha com a linha básica feminina, como blusas, vestidos, saias, calças variadas, tops e macacões; regatas e camisetas masculinas; linha gestante, com praticamente todos os produtos que elas precisam para usar durante a gestação, desde o pijama, vestidos e calças específicos, em todas as áreas; linha lactante, com uma série de produtos para amamentação, como blusas e vestidos que garantem maior privacidade durante a amamentação; Linha praia, com várias opções de biquínis e maiôs durante todo o ano; pijamas quentinhos, agora em especial para o inverno; e ainda os produtos e acessórios, como calçados, cintos, colares e outras opções. 

Compras pela internet
Os clientes também têm acesso às compras pela internet. Podem optar pelos produtos de vestuário e acessórios ou até mesmo vales-presentes. Acesse: https://www.lojasbasicstore.com.br/

Votação da Basic Store
Casais leitores do Agora no Vale compartilharam histórias de como se conheceram,  e publicaram nos comentários das matérias do Dia dos Namorados em parceria com a Basic Store. A loja selecionou as duas melhores e pôs em votação na sua página do Facebook. A mais votada leva um vale presentes de R$ 100. Vote vocês também.   

por Leonardo Heisler
redacao@agoranovale.com.br

Contatos da Basic Store
(51) 3729-7111
No facebook (clique aqui
No instagram (clique aqui)
No site (clique aqui)
email: atendimento@lojasbasicstore.com.br
Endereço: Rua Pinheiro Machado, 243, no centro de Lajeado.