fbpx

Ao clicar em "Continuar navegando", você concorda com o uso de Cookies e com a Política de privacidade do site.

  • Agora No Vale – Banner Site Anuncie Conosco 728x90px
  • Banner Agora no Vale 728x90px

Prazo de inscrição em nova etapa do programa A Casa É Sua – Calamidade termina na sexta (28)

Inscrições devem ser realizadas pelas prefeituras


Por Redação Publicado 27/06/2024
Ouvir: 00:00
  • Agora No Vale – Banner Site Anuncie Conosco 728x90px
lajeadoenchentejunho24-agoranovale (1)
Foto Agora no Vale/ Bruno Neves

O prazo para os municípios com decreto de calamidade homologado pelo Estado participarem da nova etapa do programa A Casa É Sua – Calamidade termina na sexta-feira (28/6). As inscrições devem ser feitas pela plataforma da Secretaria de Habitação e Regularização Fundiária (Sehab), na qual está disponibilizado o formulário. 

O titular da Sehab, Carlos Gomes, alerta as prefeituras dos municípios atingidos pelas enchentes: “Não percam o prazo, pois não haverá prorrogação. Esse cadastro é fundamental para o mapeamento da quantidade de unidades habitacionais necessárias para cada município. O formulário é muito simples, tudo bem facilitado para auxiliar as prefeituras neste momento”.

O decreto de calamidade no qual os municípios devem estar homologados é o 57.600/2024. A Sehab adotará as diligências necessárias para a validação dos terrenos indicados pelos municípios, desde que estejam localizados fora da zona de inundação, e definirá o potencial urbanístico da área, visando a celebração de termo de cooperação.

Card em fundo cinza, no qual está escrito Habitação Regularização Fundiária ao centro, logo abaixo de um ícone formado por um prédio ao centro, um contrato dentro de um círculo no canto inferior esquerdo e um rosto de uma pessoa sorrindo dentro de um círculo no canto inferior direito. No canto inferior direito do Card está a logomarca utilizada pela gestão 2023-2026 do governo do Rio Grande do Sul.

A iniciativa faz parte do Plano Rio Grande, que atua em três eixos de enfrentamento aos efeitos das enchentes: ações emergenciais, ações de reconstrução e Rio Grande do Sul do futuro.

O programa

O A Casa É Sua – Calamidade foi criado em março deste ano para promover a política habitacional de emergência por meio da construção de unidades habitacionais permanentes em municípios com decreto de calamidade homologado.

De forma inédita, as unidades habitacionais serão adquiridas pelo Estado através de ata de registro de preços, tornando o processo mais célere. Além disso, o método construtivo, de concreto pré-fabricado, também foi pensado de forma a agilizar a construção das casas, que devem ser entregues 120 dias após o terreno ser liberado.


#agoranovale

Texto: Nathalie Sulzbach/Ascom Sehab
Edição: Secom