fbpx

Ao clicar em "Continuar navegando", você concorda com o uso de Cookies e com a Política de privacidade do site.

  • Banner Agora no Vale 728x90px
  • Agora No Vale – Banner Site Anuncie Conosco 728x90px

Inscrições para a Educação de Jovens e Adultos (EJA) no segundo semestre vão até 7 de julho

O candidato precisa ter pelo menos 15 anos completos para o Ensino Fundamental e 18 anos ou mais para as turmas do Ensino Médio.


Por Redação Publicado 02/07/2024
Ouvir: 00:00
  • Agora No Vale – Banner Site Anuncie Conosco 728x90px
educação aula Jovens e Adultos EJA freepik – agoranovale-lajeado

O período de inscrições para o segundo semestre da Educação de Jovens e Adultos (EJA) na Rede Estadual. A oportunidade é destinada aos interessados que não conseguiram concluir os estudos na idade apropriada. As pré-matrículas já estão disponíveis e podem ser realizadas até 7 de julho no site da Secretaria da Educação (Seduc).

O candidato precisa ter pelo menos 15 anos completos para o Ensino Fundamental e 18 anos ou mais para as turmas do Ensino Médio. Para se inscrever, é necessário preencher um formulário on-line, no qual devem ser inseridos os dados pessoais e a indicação de três escolas de preferência. Se o interessado for menor de idade, também deverá colocar informações do responsável. Apenas uma inscrição será validada por modalidade, mesmo que o candidato preencha mais de uma ficha.

A designação das escolas será divulgada em 30 de julho. O candidato deve ter em mãos o número de inscrição para poder consultar o local para onde foi designado. Quem não conseguir a indicação deve procurar informações adicionais na Central de Matrículas do município onde reside ou na respectiva Coordenadoria Regional de Educação.

A matrícula só será efetivada presencialmente, com a apresentação do CPF ou da certidão de nascimento na escola designada, entre os dias 30 de julho e 2 de agosto.

Educação de Jovens e Adultos

O EJA é uma modalidade de ensino prevista na Lei das Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB). Ela permite que as pessoas que não tiveram chance ou que não deram continuidade no ensino possam concluir as etapas da Educação Básica em menor tempo, com currículos adaptados e períodos de aula que facilitam a conciliação com os horários de trabalho. O objetivo é garantir que estudantes de diferentes idades, que muitas vezes já são adultos, tenham acesso à educação, promovendo a inclusão social e a igualdade de oportunidades.

foto ilustrativa: FreePik