fbpx

Ao clicar em "Continuar navegando", você concorda com o uso de Cookies e com a Política de privacidade do site.

  • Banner Sicredi Agora no Vale 728x90px

Estado recebe apoio da ONU e de outras entidades internacionais

Além da doação de suprimentos, entidades estão ajudando a traçar soluções na gestão da emergência, na reconstrução e no restabelecimento das regiões atingidas e melhoria de abrigos


Por Redação Publicado 16/05/2024
 Tempo de leitura estimado: 00:00
  • Agora-No-Vale—Banner-Forquetinha—Institucional-WhatsappDESKTOP
ONU doações enchente Foto Lucas Nunes Força Aérea Brasileira agoranovale-lajeado

O governo do Estado está em contato com várias organizações internacionais com ampla experiência em situações de emergência humanitária. Além da doação de suprimentos, essas entidades estão ajudando a traçar soluções na gestão da emergência, na reconstrução e no restabelecimento das regiões atingidas e na melhoria dos abrigos temporários.

Entre as elas estão instituições do sistema da Organização das Nações Unidas (ONU), como o Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (Acnur) e a Organização Internacional para as Migrações (OIM). A Agência Federal de Gestão de Emergências (Fema), vinculada ao governo dos Estados Unidos da América, e a organização não governamental (ONG) norte-americana de ajuda humanitária Samaritan’s Purse também estão apoiando o governo gaúcho.

O vice-governador Gabriel Souza tem liderado essas articulações entre Estado e entidades. “O objetivo é reunir o conhecimento adquirido por essas instituições com experiência em desastres. Essas parcerias podem resultar em planos mais robustos de restabelecimento e reconstrução”, afirmou. Ele destacou também que especialistas que já atuaram em outras catástrofes meteorológicas podem contribuir com o planejamento de ações de adaptação e resiliência climática.

As entidades ligadas à ONU estão ajudando com o compartilhamento de boas práticas no atendimento humanitário aos afetados e com a doação de itens para qualificar a condição dos abrigos.  A Acnur, por exemplo, ofereceu o empréstimo de 100 tendas utilizadas em campos de refugiados para abrigos temporários.

A Fema tem apoiado o RS compartilhando a expertise que possui em gestão de emergências meteorológicas e realizando conexões com organizações que atuam em situações de crises humanitárias com desabrigados.

A Samaritan’s Purse enviou duas aeronaves, incluindo um Boeing 757. Foram trazidas dez estações móveis de tratamento de água, com capacidade para produzir 4 mil litros de água potável por hora e atender 10 mil pessoas por dia. Gabriel está em contato com a Secretaria do Meio Ambiente e Infraestrutura (Sema) para definir quais localidades devem ser atendidas, conforme as necessidades mapeadas.

A ONG encaminhou, também, mais de 40 toneladas de donativos, como kits de higiene, cobertores e geradores, assim como profissionais de sua equipe de Resposta Assistida em Desastres que desenvolverão ações nas comunidades devastadas e ajudar as famílias afetadas.

“São inúmeras as demandas que surgem simultaneamente, e todas são realmente urgentes. Então, ter apoio externo para verificar o cenário e contribuir com a melhoria dos processos é realmente muito útil”, concluiu Gabriel.


Fonte: Ascom foto: Lucas Nunes/Força Aérea Brasileira / #agoranovale