fbpx

Ao clicar em "Continuar navegando", você concorda com o uso de Cookies e com a Política de privacidade do site.

  • Banner Agora no Vale 728x90px
  • Agora No Vale – Banner Site Anuncie Conosco 728x90px

Assinado contrato para construção do Residencial Morada das Lavandas em Venâncio Aires

No total serão 112 unidades com área privativa de 51,28 m² cada


Por Redação Publicado 27/06/2024
Ouvir: 00:00
  • Agora No Vale – Banner Site Anuncie Conosco 728x90px
residencial-das-lavandas_venancio-2-600×452 – Portal Arauto – agoranovale
Unidades habitacionais vão ser erguidas entre as Ruas Cond’Eu e Cândido de Moura, no Bairro Aviação | Foto: Mônica da Cruz/Portal Arauto

              Na tarde desta quinta-feira (27), foi assinado o contrato entre Governo de Venâncio Aires e a empresa responsável pela construção de blocos habitacionais populares denominado como Residencial Morada das Lavandas. Assim, Venâncio Aires retoma os projetos habitacionais populares, com o total de 112 unidades.

São sete blocos, com quatro pavimentos cada e quatro apartamentos em cada pavimento, no residencial que será construído no bairro Aviação, na rua Conde D’Eu, 068. “Trata-se do primeiro projeto do programa atual Minha Casa, Minha Vida a ser assinado no Rio Grande do Sul, e o segundo no Brasil”, destacou o diretor da empresa ALM Engenharia e Construções LTDA, Luiz Paulo Assmann Junior, durante o ato de assinatura do contrato da Prefeitura e a empresa.

Conforme Assmann, o empreendimento atende às normas brasileiras de acessibilidade, ampla área verde e de lazer, composta por salão de festas, sala de biblioteca, sala do síndico, banheiros, guarita, bicicletário coberto, playground, quadra de esportes de areia e churrasqueiras ao ar livre.

residencial das Lavadas Venâncio assinatura – agoranovale-lajeado

Cada unidade habitacional possui área privativa de 51,28 m², Composta por dois dormitórios, banheiro, sala de estar/jantar, cozinha, lavanderia e varanda.

O prefeito Jarbas da Rosa destacou que o projeto chega para fazer o município avançar nas políticas habitacionais e também para ajudar na realocação das famílias que tiveram suas casas destruídas pelos eventos climáticos de maio. “Nos deixa feliz também nesse projeto é ver uma empresa venâncio-airense executando os trabalhos, assim com vem fazendo o Senai e o Cemai ajudando a construir a história de Venâncio Aires”, acrescetou o prefeito, destacando a presença da ALM Engenharia nas obras de construção dos do no residencial.

“Nosso cadastro é atualizado pelos profissionais periodicamente e a partir das enchentes, estaremos também atendendo famílias atingidas. O programa Minha Casa, Minha Vida tem os critérios estabelecidos pelo Governo Federal e com isso o município seleciona as famílias, utilizando dos nossos critérios que estão em consonância com a União e pelas indicações e análise da rede de serviço, onde os profissionais da rede indicam as famílias aptas a participar da seleção”, explicou a secretária da Habitação e Desenvolvimento Social, Camila Capelão.

O projeto é destinado à Faixa 1 do programa Minha Casa, Minha Vida, que são para imóveis entre R$ 190 mil e R$ 264 mil, para famílias com renda de até R$ 2.640,00. O custo total no projeto habitacional é de R$  17.248.000,00.


Fonte: AI Venâncio Aires #agoranovale