fbpx

Ao clicar em "Continuar navegando", você concorda com o uso de Cookies e com a Política de privacidade do site.

  • Banner Sicredi Agora no Vale 728x90px

Polícia investiga caso de mulher que teria pago R$ 10 para homem matar cachorro


Por Redação / Agora no Vale Publicado 19/03/2019
Ouvir: 00:00
  • Agora-No-Vale—Banner-Forquetinha—Institucional-WhatsappDESKTOP

Homem, que estava jogando pedras no animal, informou para a BM que uma mulher tinha pedido para ele matar o cachorro, porque o bicho estava doente

A Polícia Civil investiga o caso de uma mulher que teria pago R$ 10 para um homem matar um cachorro em Santa Cruz do Sul. O caso ocorreu no último domingo (17).

Conforme a delegada Ana Luisa Aita Pippi, um procedimento foi instaurado para apurar os fatos. Os suspeitos e as testemunhas ainda serão ouvidos. “Temos a informação de que a dona do cachorrinho teria pago R$ 10 para o outro envolvido matar o animal”, afirma a delegada.

A Brigada Militar informou que foi acionada por moradores e quando chegou no local um homem de 28 anos estava jogando pedras contra o animal. O homem teria, então, dito aos policiais que uma moradora, de 21 anos, pediu para que ele “desse um fim” no cão, pois o animal estaria doente.

Os dois foram levados para a delegacia, onde assinaram um termo circunstanciado. Depois disso, foram liberados. De acordo com a delegada, eles podem responder por “maus-tratos a animal doméstico, agravado pela morte”.

Fonte G1