fbpx

Ao clicar em "Continuar navegando", você concorda com o uso de Cookies e com a Política de privacidade do site.

  • Banner Agora no Vale 728x90px Programa Fazer Juntos

Justiça aceita denúncia contra homem que jogou filho de 11 meses pela janela de veículo

Suspeito que ainda teria atropelado a ex-mulher tem antecedentes


Por Redação Publicado 02/04/2024
 Tempo de leitura estimado: 00:00
  • Agora-No-Vale—Banner-Forquetinha—Aniversário-28-anosDESK
Foto Ilustrativa

A Justiça aceitou a denúncia do Ministério Público do Rio Grande do Sul (MPRS) contra um homem que jogou o filho de 11 meses pela janela do carro e atropelou a ex-mulher, em Novo Hamburgo. O fato ocorreu no dia 24 de fevereiro deste ano no bairro Canudos após uma discussão entre os pais da criança.

O réu responde por tentativa de homicídio contra o próprio filho e com as seguintes qualificadoras: motivo torpe, meio cruel, contra menor de 14 anos de idade e contra descendente. Ele também responde por tentativa de feminicídio contra a ex-mulher que, além da questão de gênero, tem as qualificadoras por ter ocorrido motivo torpe, meio cruel e recurso que dificultou a defesa da vítima.

O responsável pelo caso no MPRS é o promotor de Justiça Robson Barreiro e a denúncia foi assinada pelo promotor de Justiça Sérgio Cunha de Aguiar Filho. O réu, conforme a investigação, é reincidente por já ter um histórico de violência doméstica contra a ex-companheira. O casal estava separado desde o início de 2023 e manteve um relacionamento por nove anos, tendo, além do bebê de 11 meses, mais dois filhos, de oito e três anos de idade. O caso está em segredo de Justiça.


#agoranovale