fbpx

Ao clicar em "Continuar navegando", você concorda com o uso de Cookies e com a Política de privacidade do site.

  • Banner Sicredi Agora no Vale 728x90px

Homem tem whats clonado depois de conversa com suposto golpista


Por Redação / Agora no Vale Publicado 08/05/2019
Ouvir: 00:00
  • Agora-No-Vale—Banner-Forquetinha—Institucional-WhatsappDESKTOP

Os criminosos usaram o perfil da vítima e solicitaram deposito de R$ 2,5 mil para a mulher e mais dois amigos

Mais um caso de clonagem do aplicativo whatsapp foi registrado na tarde de terça-feira em Lajeado. A vítima teve o perfil clonado depois de conversar com o suposto criminoso. Em seguida teve o aplicativo bloqueado e sua mulher e dois amigos receberam mensagens do perfil da vítima pedindo por depósitos no valor de R$ 2,5 mil.

De acordo com a vítima, ele tem um anuncio de venda de uma moto aquática no site OLX. Na tarde de terça-feira, dia 7, um homem o contatou por mensagem e se identificou como funcionário da OLX. Conforme o contato, a vítima teria que incluir o código de segurança obtido junto ao aplicativo whatsapp para seguir com a venda. Instantes depois de informar o número, teve seu whatsapp bloqueado.

Mais tarde, recebeu ligação de sua esposa, que informou que o perfil do homem no aplicativo solicitava uma transferência no valor de R$2.567,83. Outros dois amigos tiveram os mesmos pedidos do clone e acredita que mais contatos tenham sido alvos.

 Na segunda-feira a reportagem divulgou uma notícia alertando para o crime com entrevista com o delegado de polícia Juliano Stobbe. Neste caso a vítima estava com o dispositivo de segurança que a reportagem ensinou a implementar, contudo repassou o número ao criminoso.

Assim a polícia faz ALERTAS:
– INSTALE o dispositivo de segurança no seu celular (saiba como, acesse reportagem anterior, clique aqui.)
– NÃO repasse o código da senha para ninguém
– se você receber uma mensagem de algum amigo ou familiar pedindo dados ou dinheiro, NÃO REPASSE, peça para que ele primeiro ligue para você. Por mensagem, podem ser criminosos solicitando informações
– se for vítima tanto de clonagem ou do golpe

Redação
redacao@agoranovale.com.br