fbpx

Ao clicar em "Continuar navegando", você concorda com o uso de Cookies e com a Política de privacidade do site.

  • Agora no Vale 728x90px

Homem sequestrado é encontrado morto em lavoura de soja


Por Redação / Agora no Vale Publicado 07/02/2024
 Tempo de leitura estimado: 00:00
  • Agora-No-Vale—Banner-Forquetinha—Aniversário-28-anosDESK
4911398_a590e7e4ae62d1d

O município de Santo Ângelo vive momentos de consternação após a descoberta do corpo de Emerson Santos dos Reis, de 32 anos, na tarde de terça-feira (6). Sequestrado na última quinta-feira (1º), ao chegar em casa, o desfecho trágico veio à tona quando seu corpo, em avançado estado de decomposição, foi encontrado em uma lavoura de soja na localidade de Comandaí, no interior de Giruá.

O carro de Emerson havia sido encontrado abandonado na região no dia seguinte ao sequestro, adicionando um capítulo sombrio à sua inexplicável ausência. A equipe da Delegacia de Repressão às Organizações Criminosas (Draco) localizou o corpo e uma pistola com cápsulas deflagradas ao lado, indicando a violência enfrentada por Emerson.

Sob a liderança do delegado regional de Santo Ângelo, Charles Dias do Nascimento, as investigações ganharam um importante avanço com a prisão de um dos envolvidos no crime na segunda-feira (5), em Três de Maio. O detido confessou sua participação no ato, que agora é investigado como extorsão mediante sequestro seguido de morte. O esforço das autoridades concentra-se na identificação e captura dos demais envolvidos, buscando justiça para Emerson e sua família.

Conhecido por ser um trabalhador dedicado no ramo de vendas de carros e um pai amoroso para seus dois filhos, a morte de Emerson choca a comunidade, que se mobiliza em luto e pedidos por respostas. Sua rotina, interrompida brutalmente ao voltar da academia, deixa um vazio nas vidas daqueles que o conheciam e amavam.