fbpx

Ao clicar em "Continuar navegando", você concorda com o uso de Cookies e com a Política de privacidade do site.

  • Banner Agora no Vale 728x90px Programa Fazer Juntos

Homem de 60 anos é preso por estuprar afilhada autista de 10 anos


Por Redação / Agora no Vale Publicado 13/03/2024
 Tempo de leitura estimado: 00:00
  • Agora-No-Vale—Banner-Forquetinha—Aniversário-28-anosDESK

Na tarde desta terça-feira (12), policiais da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) de Canoas prenderam um homem de 60 anos sob a suspeita de estupro de vulnerável. A vítima, uma afilhada de 10 anos do suspeito, é diagnosticada com Transtorno do Espectro Autista.

De acordo com a investigação, o padrinho solicitava passar tempo com a vítima, e a mãe, acreditando que isso seria benéfico para o desenvolvimento da criança, consentia com o pedido. Entretanto, no início deste ano, a mulher começou a desconfiar do homem a partir do comportamento da filha. Agitação, alteração de comportamento quando se falava no padrinho e ainda reprodução de atos sexuais incompatíveis com a idade.

A suspeita se intensificou em fevereiro deste ano, quando a mãe testemunhou o crime. Ela deixou a menina e voltou pouco depois, flagrando ambos nus e o abuso sendo cometido. Após confrontado, o suspeito fugiu e permaneceu foragido até ser capturado nesta terça-feira, ainda em Canoas. A investigação está em curso para determinar a duração dos abusos, porém o delegado acredita que ocorriam há mais tempo.