fbpx

Ao clicar em "Continuar navegando", você concorda com o uso de Cookies e com a Política de privacidade do site.

  • Agora No Vale – Banner Site Anuncie Conosco 728x90px
  • Banner Agora no Vale 728x90px

A procura de goleiros no mercado, Grêmio não poderá contar com o retorno de Léo Jardim


Por Redação / Agora no Vale Publicado 31/12/2018
Ouvir: 00:00
  • Agora No Vale – Banner Site Anuncie Conosco 728x90px

Grêmio pede que Jardim seja liberado, mas esbarra nas cláusulas contratuais

Após o anúncio da venda do goleiro Marcelo Grohe, o Grêmio busca alternativas no mercado. Atualmente as únicas opções gremistas são Paulo Victor e Brenno; o segundo nem atuou em jogos oficiais, apenas ficou no banco de reservas em uma partida pelo Brasileirão 2018. Uma alternativa seria trazer de volta o goleiro Léo Jardim, emprestado ao Rio Ave. Porém, as cláusulas do contrato não permitem esse retorno antecipado e o clube português ainda tem o direito de compra sobre o atleta, onde o prazo se encerra em maio de 2019.

Com ideia de planos maiores, o Rio Ave, junto com o empresário de Léo Jardim, Rogério Braun, devem antecipar a transação. Ainda, por especulação da imprensa portuguesa, quem estaria interessado no goleiro, seria o Sporting, um clube muito tradicional de Portugal. Esse interesse poderia ser o motivo para a antecipação da compra do atleta.

O Grêmio já fez consultas por Éverson, do Ceará e Gatito Fernández, do Botafogo, mas não foi adiante em função de altos valores pedidos pelos clubes. Agora, sem poder contar com o retorno de Léo Jardim, o clube gremista terá que continuar o garimpo em busca de novas opções.

por
Patrícia Fagundes
esporte@agoranovale.com.br