Justiça Eleitoral recomenda que o ato seja feito por aplicativo ou pela internet

O eleitor que não compareceu às eleições em primeiro turno – realizadas em 15 de novembro do ano passado – tem até esta quinta-feira, dia 14, para regularizar seu título e justificar a ausência. Quem não comparecer ao cartório eleitoral pode pagar multa e sofrer outras punições previstas em lei.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) recomenda que os eleitores que estiveram ausentes façam a justificativa por meio do aplicativo, o e-Título, que pode ser baixado grátis e é compatível com sistemas Android e iOS. Outra opção é utilizar a internet, por meio do Sistema Justifica (clique aqui).

Pelo fato do voto ser obrigatório dos 18 aos 70 anos, a justificativa é uma das exigências aos eleitores ausentes em uma eleição. Quem não está com o documento regular não pode tirar passaporte, se funcionário público pode ficar sem recebimento de salário, não pode se inscrever em concurso público, renovar matrícula em instituição pública de ensino, ou obter empréstimo em bancos públicos estaduais e federais.