Uma das consequências comuns após infecção com o coronavírus é a perda transitória do olfato e/ou paladar. A privação de sentir cheiros pode ser desconfortável e levar meses para retornar, porém alguns estímulos naturais podem ajudar neste processo, veja como:

Aromaterapia
A “terapia através dos aromas”, a aromaterapia é uma prática reconhecida pelo SUS e faz parte das Prática Integrativas do SUS como terapia complementar em saúde. Ansiedade, desânimo, insônia, rinite, sinusite, dores de cabeça, são alguns dos casos em que a aromaterapia pode ser útil através do uso de óleos essenciais.

Óleos essenciais

Os óleos essenciais são substâncias 100% derivadas de plantas (extraídas das flores, folhas, caules, sementes, raízes ou cascas). Eles possuem princípios ativos (metabólitos da própria planta) que apresentam efeitos terapêuticos a nível emocional como relaxantes, estimulantes, melhora do bem-estar visto que, ao ser inalado, alcança o bulbo olfatório e o sistema límbico responsável pelas emoções e sensações. Além disso, atuam a nível físico como poderosos antissépticos, antifúngicos, descongestionantes.

Recuperação do olfato com óleos essenciais
A perda olfativa que acontece pós covid pode ser recuperada através do “treinamento olfativo”, com aromas específicos como um possível reativador das conexões neuronais resgatando a ‘memória’ do olfato. Nesse sentido, os óleos essenciais podem ser muito úteis, veja os mais indicados:

Conforme estudos recentes, o ideal é utilizar 4 odores de categorias de aromas diferentes para estimular um retorno da memória olfativa pós covid. Veja abaixo os óleos essenciais citados:

Óleo essencial Cravo (condimentado): além de auxiliar a ativar a memória olfativa pelo estímulo da sensação, o cravo traz benefício de aconchego e alívio da fadiga mental.

Óleo essencial Eucalipto (canforado): além de auxiliar a ativar a memória olfativa pelo estímulo da sensação, possui propriedades mucolíticas e descongestionantes, útil no tratamento de rinite, sinusite.


Óleo essencial Limão (cítrico):
além de auxiliar a ativar a memória olfativa pelo estímulo da sensação, possui propriedades carminativas (liberação de gases), hipotensivo sendo seu aroma revigorante, despertando positividade e clareza.


Óleo essencial Palmarosa/ gerânio (floral): 
além de auxiliar a ativar a memória olfativa pelo estímulo da sensação, possui propriedades que ajudam a aliviar a tensão nervosa, cultivo do amor próprio e amenizar sintomas de TPM e menopausa.

Como usar?
Óleos essenciais são super concentrados, por isso, devem ser usados com cautela, formas seguras de uso incluem:

-Aromatizador elétrico: 10 gotas

-Inalador pessoal: 10-20 gotas no inalador

-pedaço de algodão: 1 gota

Precaução: lembrando que essas sugestões são para indivíduos adultos saudáveis, sempre utilize óleos essenciais sob orientação profissional, ANVISA não recomenda uso interno (oral) dos óleos pois não diluem em água e podem causar dano.

Compre na loja física Centro de Lajeado ou on-line no nosso site www.pharmanatural.com.br

por Stéfani Natali Stoll
+Farmacêutica
+Mestre em Biotecnologia em Saúde
+Fundadora da Pharma Natural
cosméticos orgânicos e veganos – sustentabilidade- florais – cursos
(51) 98313-0300 (WhatsApp)
Instaram: @pharma.natural
Facebook: Pharma natural