Você já fez sua simulação, avaliou seu crédito e o imóvel já foi vistoriado. Próximo passo: conferência da documentação e assinatura do contrato habitacional. Todo processo de financiamento habitacional tem necessidade de passar por uma análise documental, a fim de checar se os documentos e os dados transcritos ao sistema estão de acordo, e se o instrumento contratual pode ser emitido.

A assinatura do contrato de financiamento é a consolidação do negócio. Este documento tem a mesma validade que uma escritura pública de compra e venda feita no tabelionato. Por isso, quando o vendedor assina o contrato, ele está de acordo com a transferência do imóvel ao comprador. Mas quando o contrato é assinado o dinheiro já cai na conta do vendedor, certo? Errado.

Após a assinatura junto a instituição financeira, é necessário recolher o Imposto de Transferência sobre Bens Imóveis (ITBI) na prefeitura. Este recolhimento serve para regularizar a propriedade do imóvel com o município. Depois o contrato segue para o Registro de Imóveis, em que é averbado na sua matrícula correspondente.

Depois deste processo estar concluído, a documentação registrada deve ser encaminhada novamente ao banco e só então o vendedor tem o valor da venda liberado. Todos estes procedimentos tem custo, então é muito importante que quem deseja adquirir um imóvel esteja organizado e preparado para as despesas.

Sair do aluguel é possível. Para isso, conte com quem tem experiência para te auxiliar em todas as etapas. A informação e o “saber fazer” deixam sua caminhada mais tranquila e sem frustrações.

por Camila Dal Pian Bassegio,
Dal Pian Serviços Administrativos
(51) 3729.5402
(51) 9 9169 2848  (WhatsApp Lajeado)
(51) 9 9159 2029 (WhatsApp Estrela)
Instagram: @correspdalpian
Facebook: @caixaquilajeado